TZ BlogPlaza - шаблон joomla Окна

Estado deve espelhar-se na experiência de Foz, defende presidente da Paraná Turismo

Categoria: Notícias Escrito por Adilson Borges / February 18, 2019

O presidente da Paraná Turismo, João Jacob Mehl, participou da reunião extraordinária do Conselho Municipal de Turismo (Comtur) na última sexta-feira (15). Ele apresentou as metas de sua gestão à frente da autarquia, responsável pela execução da política de turismo no estado, e reafirmou o compromisso do Governo do Estado com as pautas de Foz do Iguaçu. 

À reunião do Comtur, Jacob Mehl foi acompanhado de Aldo Carvalho e Rafael Andreguetto, diretores da instituição estadual que detalharam o plano Paraná Turístico 2026, a ser lançado em março. A sessão do conselho ainda contou com a presença de Alexandre Sampaio, presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA). 

Para Jacob Mehl, o turismo em Foz do Iguaçu deu um grande salto de qualidade com a implantação da gestão integrada e serve de modelo para o estado. Ele destacou os investimentos do empresariado no setor e a parceria com o poder público. O presidente da Paraná Turismo disse que o governo deverá investir em infraestrutura e divulgação do destino.

“O Paraná tem que se espelhar em Foz do Iguaçu. O empresariado, em parceria com o poder público, deu exemplo de como desenvolver o turismo”, afirmou João Jacob Mehl. “É preciso cuidar da infraestrutura e investir na divulgação. O governador Ratinho Junior já colocou em prática uma reivindicação do Comtur, que é destinar 35% da verba publicitária do governo para a promoção turística.” 

Turismo forte

Presidente do Comtur, Carlos Silva declarou que a participação do presidente da Paraná Turismo e de sua equipe técnica na sessão do conselho demonstra a importância do turismo de Foz do Iguaçu para o estado e o país. Segundo Silva, esse diálogo é fundamental para se avançar nas pautas a favor da expansão e do crescimento do Destino Iguaçu. 

“A presença da Paraná Turismo em nossa cidade para ouvir e buscar subsídios para a política boa do desenvolvimento do turismo referencia e mostra a importância de Foz do Iguaçu”, apontou Carlos Silva. “Nossa expectativa com a nova gestão estadual é muito boa, até porque parte de nossas demandas já está sendo atendida, como a verba significativa para a divulgação turística.” 

Silva fez um agradecimento a Alexandre Sampaio, que além de presidir a FBHA comandou o Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). “Sempre deu apoio a Foz do Iguaçu e ao Centro de Capacitação do Sindhotéis e manteve cadeira para a cidade na diretoria da federação. É uma das vozes mais fortes e ouvidas no cenário do turismo no Brasil”, concluiu.

Pauta definida

O secretário municipal de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos, Gilmar Piolla, ressaltou a pauta de Foz do Iguaçu apresentada ao governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD) durante a campanha eleitoral e reafirmada em recente reunião. São projetos considerados prioritários e estratégicos para o desenvolvimento do turismo da região. 

Como exemplo, Piolla citou a duplicação da Rodovia das Cataratas (BR-469), a ampliação da pista do aeroporto e a redução do ICMS do querosene de aviação. “São projetos importantes para estimular uma melhoria da infraestrutura e da conectividade aérea da cidade para que possamos desenvolver melhor o nosso turismo.”

Ações propostas pela Paraná Turismo:

- Regionalizar o turismo;

- Priorizar destinos de categoria A (Foz do Iguaçu e Curitiba);

- Oferecer pacotes de serviços para as cidades;

- Investir na promoção e divulgação (campanhas permanentes);

- Fortalecer o marketing digital;

- Participar de feiras e eventos nacionais e internacionais (atingir especialistas em turismo e público direto);

- Implantar o site www.viajeparana.com;

- Criar a TV Turismo; e

- Instituir calendário de turismo e eventos.

(Assessoria - Foto: Marcos Labanca)

 

Thank for sharing!

About The Author