41ª edição da Fartal terá shows nacionais e entrada franca 

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

A Fundação Cultural de Foz do Iguaçu anunciou as atrações da 41ª edição da Fartal, (Feira de Artesanato) festa de comemoração ao aniversário de Foz do Iguaçu. O anúncio foi feito em uma coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira (11) na Sala Antônio Cabral de Mendonça e contou com a presença do prefeito Chico Brasileiro.

A festa acontecerá entre os dias 8 e 11 de junho no CTG Charrua com a entrada franca. As atrações musicais incluem apresentações da banda Titãs (8), Dudu Nobre (9), Sandra de Sá (10) e Maiara & Maraisa no dia 11.  A Fundação anunciou também a abertura de edital na segunda-feira para a contratação de artistas locais para a apresentação durante o evento. Os artistas locais que forem selecionados para se apresentarem receberão cachês estimados  entre R$600 e R$ 3 mil. De acordo com o diretor-presidente da Fundação Cultural, Juca Rodrigues, apesar da entrada franca, a Fartal terá toda infraestrutura de outras edições, incluindo a segurança pública, feita pela Polícia Militar e Guarda Municipal.   

Segundo prefeito Chico o tempo para a organização do evento foi escasso e os recursos mínimos, mas que mesmo assim a Prefeitura fará uma das melhores edições de todos os tempos. Ele também anunciou que o desfile cívico-militar no dia 10 de junho, será feito nas dependências do CTG Charrua, ao invés do tradicional local, na Avenida Paraná.  “Foz do Iguaçu é referência no turismo e na geração de energia elétrica e temos de ter também referência na área cultural”, disse.   

A equipe de organização também definiu que a edição 2017 da Fartal terá como principal objetivo destacar o verdadeiro sentido da festa, incluindo a feira de artesanato e a feira gastronômica, valorizando os pratos típicos da região. 

A Fartal é um evento organizado pela Fundação Cultural em conjunto com diversos apoiadores e entidades da sociedade civil organizada. Este ano o investimento previsto em orçamento é de R$500 mil reais. Historicamente a Fundação cede espaços da feira para diversas entidades comercializarem comidas típicas e reverterem o lucro para ações sociais na cidade. Neste ano, mais de vinte instituições já estão cadastradas para participar.

 

More to explorer