700 profissionais da Rede Pública de Educação se reúnem em jantar promovido pelo SINPREFI

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Todos os profissionais que atuam em escolas municipais e centros municipais de educação infantil (CMEIs) de Foz do Iguaçu e são filiados ao Sindicato dos Professores e Profissionais da Educação da Rede Pública Municipal de Foz do Iguaçu (SINPREFI) foram convidados para o Jantar dos Profissionais da Educação, promovido na Rafain Churrascaria Show.

O evento foi realizado ontem (27) à noite em comemoração do Dia do Professor (último dia 15) e ao Dia do Servidor Público (hoje, 28). Cerca de 700 servidores participaram. O maior grupo foi dos professores, que também representam o maior quadro no setor da educação municipal formado, atualmente, por 2200 pessoas. Além do jantar, os convidados assistiram ao show multicultural promovido no local, com dança, música e apresentações de capoeira.

A presidente do SINPREFI, Marli Maraschin de Queiroz considera que o jantar é uma forma de confraternização entre os profissionais responsáveis pela educação do município e um meio de reconhecimento pelo trabalho que prestam: “O SINPREFI se preocupa em proporcionar o bem-estar de todos, mas principalmente dos (as) filiados (as) que hoje mantêm o sindicato com a contribuição mensal”, aponta ela. O sindicato da educação conta com quase 1500 filiados. Esta foi a quinta edição do jantar que começou a ser promovido cinco anos atrás para homenagear os professores. Este ano, pela primeira vez, todos os profissionais que atuam na educação municipal participaram.

Nos telões, os participantes viram fotos que mostram ações promovidas pelo SINPREFI durante 2019. Eram registros de encaminhamentos de ofícios, reuniões, assembleias, visitas às unidades de ensino, protestos, mobilizações e formações. Eles também concorreram a prêmios compartilhados por empresas parceiras e por conveniados que oferecem vantagens aos filiados. Já são mais de 65 convênios estabelecidos. Foram sorteados: jantares, passeios, sessões de cuidados com a saúde e bem-estar, produtos de beleza, livros, etc.

Alguns se divertiram ao lado dos artistas que promovem um dos shows mais tradicionais e populares da fronteira. A professora Paula Torres, que trabalha na Escola Municipal Jorge Amado há 16 anos, foi uma das que subiram ao palco. “É maravilhoso viver momentos como esse para rever amigos pessoais ou de jornada,” destacou. “Não temos esses momentos de bate papo no dia a dia. Sempre nos encontramos em cursos e  eventos pedagógicos”, pontuou a professora que representa o SINPREFI na escola em que atua.

Homenagens

Durante um minuto, os centenas de profissionais presentes ao evento silenciaram para homenagear duas colegas que faleceram no mês de agosto: professora Márcia Ramos da Silva, da Escola Municipal Olavo Bilac, e professora Etelvina Sampaio Castilha, que era diretora de relações públicas do SINPREFI. Em função dos mais de 50 anos de atuação da professora Etelvina, especialmente em favor dos alunos com alguma deficiência, o sindicato lançou um abaixo-assinado pedindo que uma escola ou CMEI do município seja batizado com o nome dela. Os próximos dias, o documento será encaminhado às unidades de ensino. 

(Assessoria)

Explore mais