Cassuli Corporate traz à Foz do Iguaçu novo conceito em consultoria empresarial

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

A Cassuli Corporate Management apresentou, na sexta-feira (30 de agosto), a quinta unidade do grupo, que agora chega à Foz do Iguaçu. O escritório, no Edifício Caeser Tower do bairro Polo Centro, traz um novo conceito em Gestão Tributária, Empresarial e Societária aliada a excelência jurídica do grupo fundado há 39 anos em Jaraguá do Sul (SC) pelos advogados Gilberto Cassuli e Célia Cassuli.

As normas legais para atuação transfronteiriça terão destaque na atuação da Cassuli Corporate em Foz do Iguaçu, cidade brasileira estratégica pela proximidade com Paraguai e Argentina. A unidade vai focar no planejamento, seja nacional ou internacional, atendendo a demanda por profissionais que atuam em segmentos contábeis, empresariais e jurídicos.

A Cassuli Corporate, surgiu em 2013 da necessidade do apoio empresarial, não só jurídica, mas em outras áreas como a contabilidade, por exemplo. “O empresário produz e a Cassuli Corporate garante todo o aporte necessário para o negócio prosperar de forma legal”, afirma o Diretor Executivo, João Carlos Cassuli

Atuação conjunta

Em dezembro de 2017 o grupo chegou à Hernandárias, no Paraguai, devido a demanda que surgiu nos escritórios de Jaraguá do Sul, São Paulo (SP) e Curitiba (PR). “Nossa demanda aumentou para o Oeste do Paraná a partir de então”, ressaltou o Diretor.

Em conjunto, os escritórios terão como diferencial a especialização em questões tributárias nacionais e internacionais, somadas a expertise jurídica da Cassuli Advogados. “A unidade vai contar com apoio de auditores e ofertar uma consultoria multidisciplinar contábil, fiscal e jurídica”, diz João Carlos.

O escritório vai produzir um planejamento abrangente focado em Governança Corporativa, M&A, Compliance e Planejamento Tributário e Gestão de Riscos Corporativos e outros. “Faremos um diagnóstico completo para empresas, incluindo qual o melhor regime para operar (Simples Nacional, Lucro Presumido ou Lucro Real)”, afirma. 

Boa expectativa

A apresentação reuniu amigos, sócios e clientes. “Para nós, a abertura da Cassuli em Foz do Iguaçu gera uma grande e boa expectativa”, contou o empresário Mário Grando, de Matelândia. “De repente a gente acha que está tudo bem (na empresa) e aparece algo errado na contabilidade, especialmente”, afirmou.

O empresário Paulo Angeli, organizador do Festival de Turismo das Cataratas, disse que é sempre muito bom para a cidade receber novas empresas. “Ainda mais quando vem um escritório especializado em consultoria empresarial internacional. Isso quer dizer que a cidade está tendo visibilidade e só temos que comemorar”, completou.

A unidade terá a frente os advogados João Carlos e Karla Carolina Siqueira Campos. O grupo tem como sócios os advogados Luis Fernando Gascho e Leandro Schmöckel Gonçalves (diretores), Roberto Montes, Adilson Luis Bornhausen, Marcos Pavin e Evandro Pacheco como administradores e André Felipe Momo de Angeli.

 

 

Casamento de 39 anos com o direito tributário

A história da Cassuli Corporate está ligada à trajetória da Cassuli Advogados Associados iniciada em 1980 em Jaraguá do Sul (SC), hoje com 45 sócios espalhados em Santa Catarina, Paraná, São Paulo e outras regiões do país. O grupo foi fundado pelos advogados Gilberto Cassuli e Célia Cassuli, poucos anos após a formatura em Blumenau (SC).

“Simplesmente aconteceu, como uma obra do destino”, contou Gilberto, ao participar da apresentação da unidade em Foz do Iguaçu, onde residiu na década de 1970. Um dos motivos para fundação do grupo foi a crise de 1982, quando muitas empresas acabaram cortando gastos.

Logo após o casamento, o casal se mudou para Jaraguá do Sul, cidade natal de Célia, que também é escritora. “Eu prestava assessoria jurídica na própria Marisol”, revelou Gilberto. O modelo deu certo até “não ter mais tempo para ir nas empresas”.  “Então decidimos assumir a Cassuli Advogados e tivemos a Marisol nossa primeira cliente”.

More to explorer