Conheça o BMatch: o aplicativo de relacionamento nacional que será lançado por um iguaçuense

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Cerca de 124 milhões de pessoas utilizam aplicativos de relacionamentos no Brasil. A praticidade que essas plataformas proporcionam é o que tem atraído e conquistado cada vez mais adeptos dos apps na busca do date perfeito.

No entanto, é preciso ficar atento com a segurança desses aplicativos, pois, infelizmente existem usuários mal-intencionados, que criam perfis fakes e geram medo e insatisfação com as tradicionais plataformas.

Rafael Law, natural de Foz do Iguaçu, percebeu a dificuldade que era encontrar um aplicativo de relacionamento seguro e de confiança. Afinal, a maioria dos apps não tem uma política rígida sobre a proteção e veracidade dos usuários. Além disso, a maioria deles é voltada apenas para o lado casual.

Com isso, ele viu uma oportunidade de criar algo inovador e seguro, pensando principalmente no público feminino e LGBTS.  “A segurança é um dos principais diferenciais do aplicativo. Conversando com amigas mulheres e amigos LGBTS, percebi que isso era um ponto muito importante para eles. Muitos ficavam receosos, pois não sabiam se estavam realmente falando com a pessoa da foto ou se era algum perfil fake” comenta Rafael. 

Então, para suprir essa necessidade, surge o BMatch, um aplicativo de relacionamento para todo o Brasil, que tem como principal objetivo criar relacionamentos e conexões entre as pessoas de uma maneira criativa, divertida e muito segura.

A plataforma será lançada no fim de junho e chegará para concorrer com apps como o Tinder, Happn e outros.  

Para evitar usuários falsos, o BMatch contará com a ajuda da tecnologia de reconhecimento facial. A conta do usuário só será validada após habilitar o perfil do Instagram no app e tirar uma selfie ao vivo – o mesmo recurso de segurança utilizado por aplicativos de bancos digitais, como o Banco Inter e Nubank.

 Outra grande novidade que o BMatch trará para o universo dos apps de relacionamento é o modo “Blind Match”: o aplicativo cruzará alguns interesses fornecidos pelo usuário para encontrar o match ideal. Mas, o primeiro contato será totalmente às cegas: a foto da pessoa só será desbloqueada depois de alguns dias de papo e interação.

Com ele, os usuários poderão encontrar pessoas interessantes baseadas em conteúdo de verdade, e não considerando apenas a sua aparência física.

Essa função também é bem interessante para as pessoas que são mais tímidas e introvertidas: alguns usuários se sentem mais confortáveis em conversar antes de mostrar o seu rosto logo no primeiro contato.

Além do modo “Blind Match”, o app terá o “Modo Casual” – para conversas e encontros mais casuais – e o “Modo Sério” – ideal para quem está procurando um relacionamento sério. 

O aplicativo ainda trará jogos, sugestões de perguntas e assuntos para que o papo continue fluindo com o match, além de filtros para encontrar perfis interessantes baseados nos seus interesses e a opção de “ficar invisível” para as pessoas próximas do seu círculo de amizades (como os amigos do Facebook e Instagram).

 O BMatch será um aplicativo de relacionamento grátis que tem algumas funções free, no entanto, o seu uso é limitado. Já para os assinantes (o preço é bem acessível, R$ 9,90/mês), o aplicativo liberará diversas funções adicionais. 

O app estará disponível para download na App Store (iOS) e Google Play Store (Android) no fim deste mês.

Sobre a BMatch

A BMatch https://bmatch.app/ tem como principal objetivo proporcionar uma maneira diferente de criar relacionamentos e conexões fortes entre as pessoas de um jeito leve, fácil e divertido. Tudo isso com a segurança necessária para que você viva uma experiência incrível no app de relacionamento! 

Através de jogos, dicas e outros “quebra gelos”, o BMatch ajuda as pessoas a criarem laços por meio da tecnologia e inovação, tornando os relacionamentos mais verdadeiros baseados nas experiências que o aplicativo possibilita. 

(Assessoria)

 

Explore mais