Foz do Iguaçu registra recorde de visitação em julho

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Foz do Iguaçu, um dos mais importantes destinos turísticos do país, registrou a maior visitação no mês de julho. O Parque Nacional do Iguaçu, unidade de conservação que abriga as Cataratas do Iguaçu, recebeu 225.588 pessoas contra 213.701 visitantes do mesmo período do ano passado.  

Com isso, o parque registrou crescimento de 6% na visitação turística. O movimento em alta no mês de férias escolares propiciou que a unidade superasse a marca de 1 milhão de visitantes. De janeiro a julho, 1.127.615 pessoas visitaram uma das 7 Maravilhas da Natureza. 

“O turismo regional e internacional, especialmente daqueles países com isenção de visto, como é o caso dos Estados Unidos, Austrália, Japão e Canadá, mais países andinos e europeus, China e Coréia, é que estão com forte crescimento”, destacou o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla.

“Tivemos um mês de julho que superou as expectativas, indicando que o segundo semestre será bem melhor que o primeiro e poderemos fechar o ano novamente com recorde de visitantes”, acrescenta Piolla.

Lideram o ranking de países que visitam o atrativo:  Brasil, Argentina, Paraguai, Estados Unidos, França, Alemanha, Inglaterra, Espanha, Peru,Coreia do Sul, China, Uruguai, entre outros. 

Isenção de visto

Foz do Iguaçu é um dos destinos brasileiros mais beneficiados pela isenção do visto, adotada no dia 17 de junho pelo Governo Federal. A medida já refletiu no movimento de turistas vindo dos países beneficiados (Estados Unidos, Canadá, Austrália e Japão).

De acordo com o balanço do Parque Nacional , nos sete primeiros meses do ano, o número de norte-americanos cresceu 47%. De janeiro a julho deste ano, 26.599 visitantes dos Estados Unidos passaram pelas Cataratas do Iguaçu, enquanto que no mesmo período do ano passado 18.104 estiveram no atrativo. 

Em alta 

O Canadá mantém um forte ritmo de crescimento com 47%; seguido do Uruguai, 36%; Peru, 31%; Chile, com 27%; Israel, com 27%; Espanha, 25%; Coréia do Sul, 25%; França, 22%; Inglaterra, 21%; e China, com 8%.

Os bolivianos continuam a incluir Foz do Iguaçu no roteiro de viagens neste ano. De acordo com o PNI, nos sete meses deste ano, houve um crescimento de 39% na visitação de turistas deste país. O número deve crescer ainda mais com o início do voo entre Foz e Santa Cruz de La Sierra, em dezembro, pela operadora Amaszonas. 

Emprego e renda

“A Gestão Integrada deve continuar trabalhando visando a dar continuidade a esse crescimento. Só assim a indústria turística em nossa cidade se sustenta, cresce e gera novos negócios e mais empregos.”, disse Enio Eidt, presidente do Fundo Iguaçu.

“A visitação no Parque Nacional do Iguaçu, que abriga as Cataratas do Iguaçu, foi histórica, a melhor desde que o movimento na unidade de conservação começou a ser registrado, em 1980. A Gestão Integrada do Turismo recebe esse número com entusiasmo, por tudo o que ele reflete em termos de geração de emprego, renda e desenvolvimento para a nossa cidade.”, avalia Carlos Silva, presidente do Comtur.

 

(Foz do Iguaçu  Destino do Mundo – Foto: Daniel Muniz)

Explore mais