Jardim Botânico ganha Centro de Atendimento ao Turista

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

 

O Jardim Botânico ganhou um Centro de Atendimento ao Turista (CAT). A inauguração aconteceu na quarta-feira (16), e contou com a presença do prefeito Gustavo Fruet. Local mais visitado pelos turistas em Curitiba com 1 milhão de visitantes ao ano.

A novo Centro contará com funcionários treinados para repassar informações sobre a cidade e seus atrativos turísticos e disponibilizará infraestrutura para atendimento aos visitantes como banheiros com acessibilidade, local de descanso e miniauditório para exibir filmes sobre Curitiba.

A conquista é do Instituto Municipal de Turismo com apoio do IPPUC, Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Secretaria Municipal de Comunicação Social e Secretaria Especial da Pessoa com Deficiência e foi construído com recursos do governo federal através do Ministério do Turismo.

História

O Jardim Botânico Francisca Maria Garfunkel Rischbieter foi inaugurado em 5 de outubro de 1991. O nome oficial é uma homenagem à urbanista, uma das pioneiras no trabalho de planejamento urbano de Curitiba. Dos seus 178 mil metros quadrados, mais de 40% correspondem a um Bosque de Preservação Permanente, com nascentes formadoras dos lagos.

Com 458 metros quadrados, a estufa de ferro e vidro, inspirada no Palácio de Cristal de Londres, abriga em seu interior exemplares vegetais característicos das regiões tropicais. Emoldura a estufa um imenso jardim em estilo francês com canteiros geométricos. Também fazem parte da paisagem chafarizes e a escultura intitulada “Amor Materno”, do artista João Zaco.

O Jardim das Sensações, inaugurado em 2008, tem por objetivo despertar, sem o uso da visão, os sentidos do olfato e do tato. O Museu Botânico Municipal, instalado dentro do Jardim Botânico, recebe cientistas e pesquisadores de todo o mundo em um dos maiores herbários do Brasil, espaço que abriga o que há de mais representativo da flora paranaense e também de outros locais.

(Foto: Adilson Borges)

 

More to explorer