Parque Tecnológico Itaipu – Brasil conquista prêmio de inovação World Summit Award (WSA)

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook

O projeto da plataforma de Mobilidade Veicular (MoVe) está entre os selecionados para representar o Brasil na etapa global do WSA 2021.

O Parque Tecnológico Itaipu – Brasil (PTI-BR) conquistou o prêmio World Summit Awards (WSA) edição 2021, etapa nacional, na categoria Assentamentos Inteligentes e Urbanização, com o projeto “Plataforma MoVe”, solução de compartilhamento e monitoramento de veículos elétricos. O anúncio da premiação ocorreu no final da tarde desta terça-feira (31), online e ao vivo, durante a realização da Digitalks Expo 2021, o principal evento de negócios da economia digital e tecnologia.

O WSA é uma premiação global com o intuito de selecionar e promover os melhores e mais inovadores conteúdos digitais do mundo, valorizando a relevância em relação ao contexto em que foi criado, bem como a contribuição a inclusão e acessibilidade digitais. No Brasil, o prêmio dá visibilidade aos projetos mais inovadores, criativos, inclusivos e com maior impacto social que ofereçam soluções para os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas.

Para o diretor superintendente do Parque Tecnológico Itaipu (PTI-BR), general Eduardo Garrido, o prêmio representa um reconhecimento importante do trabalho realizado pela equipe e consagra o projeto que vem trazendo grandes benefícios em prol do desenvolvimento social e da preservação do meio ambiente. “Receber o prêmio para inovações tecnológicas da WSA é motivo de orgulho para o Parque Tecnológico. Por trás de cada conquista existe muito trabalho, pesquisa, empenho das equipes e inovação que resultam em desenvolvimento e novos negócios para o progresso e bem-estar da sociedade, especialmente nessa área tão importante que é a mobilidade elétrica, tendo em vista uma questão que envolve o mundo moderno, que é a locomoção. O crescimento da população nos grandes centros urbanos trouxe um aumento expressivo do número de veículos, e pior, veículos a base de combustão”, afirma.

Plataforma MoVE

A Plataforma de Mobilidade Veicular (MoVE), que agora irá representar o Brasil pela categoria vencedora na etapa global do prêmio WSA, é um projeto-piloto pioneiro de compartilhamento de veículos elétricos para frotas públicas para a realização de atividades diárias de logística urbana, monitoramento da segurança pública, assistência ao turista e transporte de mercadorias.

Dentro do contexto da economia compartilhada, a solução contribui para a mobilidade urbana, já que tem o potencial de reduzir a frota de veículos e diminuir a emissão de gases poluentes no ambiente.

O sistema, desenvolvido em parceria entre o PTI-BR e a Itaipu Binacional, permite reservar os veículos a distância, acompanhar a localização dos ativos, monitorar a velocidade, a autonomia do carro, motoristas, as rotas percorridas, estimar a quantidade de CO2 que deixou de ser emitida, além de outras informações.
Desde que a solução foi implantada, em 2018, mais de 12 toneladas de CO2 deixaram de ser emitidas através de mais aproximadamente 62 mil quilômetros rodados através da frota elétrica. Além da área da hidrelétrica da Itaipu Binacional, o projeto MoVE também está disponível nas Cidades de Brasília (DF) e Curitiba (PR) através de parcerias realizadas ao longo da implantação da solução.

Atualmente, o projeto tem sido conduzido pelo Centro de Competências de Tecnologias Abertas e IoT, que em pouco mais de um ano, conseguiu expandir a solução para diferentes modelos de veículos, além de estar trabalhando em soluções de gestão de frotas para aplicações movidas a combustão.

Sobre o WSA

O WSA nasceu com o objetivo de reforçar a mensagem de que as tecnologias da informação e comunicação são indispensáveis para o desenvolvimento, seja no plano pessoal, nacional ou global.

A competição global é resultado de seleções nacionais, envolvendo mais de 180 países, que, em concursos locais, selecionam as melhores práticas e os melhores projetos em oito categorias: Governo e Participação Cidadã, Saúde e Bem-estar, Aprendizagem e Educação, Meio Ambiente e Energia Verde, Cultura e Turismo, Assentamentos Inteligentes e Urbanização, Negócios e Comércio e Inclusão e Empoderamento.

O WSA teve início em 2003, em Genebra, no âmbito da cúpula das Nações Unidas sobre a Sociedade da Informação (WSIS – World Summit on the Information Society) e vem sendo realizado a cada dois anos, sendo coordenado pelo Centro Internacional de Novas Mídias (ICNM – International Center for New Media), de Salzburg, Áustria. Nos 18 anos de existência do WSA, já foram premiados mais de 700 projetos, vindos do mundo todo.

 

(Assessoria PTI – Foto: Eddie Machado/PTI)

Explore mais