Preço das frutas contribui para redução de 1,91% no valor da cesta básica no mês de junho 

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Pelo segundo mês consecutivo, o preço da cesta básica caiu em Foz do Iguaçu. De acordo com um levantamento do Centro de Pesquisas Econômicas e Aplicadas da UNILA, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-Foz) reduziu 1,91% no mês de junho. A pesquisa – realizada a partir da coleta de preços de 94 produtos em 12 locais de compra de Foz do Iguaçu – mostrou que o preço das frutas contribuiu para a queda no índice. Em média, as frutas estão 18,8% mais baratas em relação ao mês de maio.

Nas prateleiras dos supermercados de Foz do Iguaçu, a laranja foi o produto que teve maior redução no período. A fruta cítrica, que está na época de colheita e tem baixa demanda devido aos dias mais frios, está 37,3% mais barata. O preço da maçã também recuou em 16,5%. “É provável que os preços continuem baixos, uma vez que a demanda não deve se intensificar nas próximas semanas”, explica o coordenador da pesquisa, professor Henrique Kawamura.

Por outro lado, o preço da batata aumentou 14,7% no último mês, por conta da menor oferta, consequência do fim da colheita em algumas regiões. Já os preços do tomate e da cenoura se mantiveram praticamente estáveis, com alta de 0,32% e 0,86%, respectivamente.

Com grande peso no orçamento familiar, o preço do leite e derivados reduziu, em média, 5,3%, com destaque para o leite UHT (-6,7%), iogurte (-4,7%), leite em pó (-4%) e o queijo (-2,3%). A pesquisa também apontou que está 5,5% mais barato comprar cereais e leguminosas. O preço do feijão-preto apresentou uma queda de 12,9% e o do feijão-carioca, 14,6%.

O preço das carnes, em geral, diminuiu cerca de 2,2%, com destaque para o acém (-15,8%), peito (-8,2%) e coxão mole (-6,8). Em compensação, o preço da paleta aumentou 4,5% e o do músculo, 3,9%. Entre as aves e ovos, o preço do frango inteiro recuou 4,9% e o do frango em pedaços diminuiu 2,5%. Os ovos também estão 6,9% mais baratos.

O boletim do IPC-Foz do mês de junho está disponível, na íntegra, em  http://www.cepecon.com/.

More to explorer