Ratinho Jr confirma que Foz do Iguaçu receberá lote adicional de vacinas contra covid-19

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Anúncio foi feito durante reunião virtual do Fórum Nacional de Governadores nesta terça-feira (13)

O Paraná vai receber um lote adicional de 90 mil vacinas contra a covid-19 para atender as regiões de fronteira com a Argentina e o Paraguai, incluindo Foz do Iguaçu. A confirmação foi feita pelo governador Ratinho Junior nesta terça-feira (13). As doses extras para Foz são reivindicadas pelo prefeito Chico Brasileiro e a secretária municipal de Saúde, Rosa Maria Jeronymo, desde fevereiro deste ano.

A expectativa é que o lote adicional de vacinas seja recebido ainda em julho. O anúncio do governador foi feito no Palácio Iguaçu, durante reunião virtual do Fórum Nacional de Governadores, em que o Ministério da Saúde apresentou o novo cronograma de chegada e distribuição de vacinas contra a covid-19 para este trimestre, iniciado em julho.

Na última quarta-feira (07) o prefeito Chico Brasileiro e a secretária de Saúde, Rosa Maria Jerônymo, reuniram-se em Brasília com o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, para reforçar o pedido de mais doses de vacinas para o município, considerando a movimentação diária entre os países, o que aumenta o risco de transmissão do vírus, inclusive de novas variantes.

Eles receberam o apoio da Secretaria Estadual de Saúde (SESA), representada pelo diretor-geral da Secretaria Estadual de Saúde, Nestor Werner Júnior, e o chefe de gabinete, César Neves, que entregaram ofício ao Ministério solicitando que já nos próximos lotes sejam consideradas mais vacinas para atender a região de fronteiras do Paraná. Também tiveram suporte do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems).

“Esse apoio do Governo do Estado, por meio da SESA, e do Conasems foram fundamentais para o atendimento da nossa reivindicação por mais vacinas. Com a sinalização positiva do governo federal, foi estabelecido o consenso de que é preciso ter um olhar diferenciado para as regiões de fronteira”, afirmou o prefeito Chico Brasileiro.

“Estamos muito felizes em ver atendida nossa solicitação e reforçamos o compromisso que fizemos na reunião em Brasília de, assim que chegarem as doses, nos organizamos para que sejam aplicadas o mais rápido possível. Temos uma equipe muito capacitada e prestativa que irá se dedicar a essa missão”, afirma a secretária municipal de Saúde, Rosa Maria Jerônymo.

Além de Foz do Iguaçu, também serão contemplados pela remessa extra os municípios de Barracão, Guaíra e Santo Antônio do Sudoeste.

(AMN)

More to explorer