Parque Nacional do Iguaçu está com edital aberto para credenciar condutores de observadores de aves

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Documento informa aos interessados as especificações básicas para apoiar observadores de aves.

Está aberto o período de habilitação para o credenciamento de pessoas físicas interessadas em realizar a prestação de serviços de condução de visitantes observadores de aves no maior conjunto de quedas d’água do mundo, o Parque Nacional do Iguaçu. A habilitação poderá ser solicitada a qualquer tempo, por meio do portal do Governo Federal.
O Parque Nacional do Iguaçu possui alta representatividade da biodiversidade do Bioma Mata Atlântica, sendo um dos principais remanescentes do ecossistema no País e possui uma das maiores concentrações de espécies de aves do planeta onde os observadores de pássaros redescobrem um lado de Foz do Iguaçu pouco explorado.

Com o objetivo de incentivar a atividade, o ICMBio, juntamente com o Governo Federal, vem trabalhando na informatização do sistema de solicitação de credenciamento. Agora, os interessados podem encaminhar a documentação necessária por meio do portal do Governo Federal. A lista de habilitados estará disponível em até 5 dias úteis após a emissão da autorização e poderá ser consultada na sede da unidade, no site do ICMBio ou por meio do Portal do Governo Federal.

Desde 2019, o ICMBio em ação conjunta com o Ministério do Meio Ambiente, vem avançando na desburocratização e incentivos de atividades de ecoturismo em unidades de conservação. Dentre as medidas, quatro novas portarias foram publicadas, ainda no fim de 2019, dispondo sobre normas mais claras e autorizações para a prestação de serviços de apoio ao ecoturismo nos parques, tais como condução de visitantes, transporte aquaviário,  alimentação e aluguel de equipamentos para atividades esportivas e de lazer, além da regulamentação para desburocratizar e simplificar procedimentos para atividades esportivas e recreativas, como a escalada e o voo livre.

Parque+
Criado em 2020 pelo MMA, o programa Parque+ visa ao incentivo do ecoturismo em todo o Brasil. Os novos processos e regras para atividades turísticas estão no escopo do eixo do programa que visa fomentar iniciativas para estruturação e desenvolvimento do ecoturismo nos parques nacionais, de forma ampla. Além deste, o programa atua em mais 3 eixos, voltados à promoção da acessibilidade nas UC, disponibilização de rede de Internet aos visitantes e interligação de trilhas de longo curso.
Saiba mais sobre o programa Parque+

Acesse o edital

(Ascom MMA – Foto: Bandeirinha – Adilson Borges Lago)

More to explorer